Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Socorro!! Estou a panicar!!!!

139...Juro 139!!! 139 kilos (Quando me passar o susto inicial juro que dou melhor aspecto a este blog)


ups!

First Update: 05.09.2012

Last Update: 21.08.2013


Terça-feira, 08.01.13

Adoro!

 

Este tabuleirinho do IKEA para fazer assados sem gordura é do melhor!

Peixe, Frango, Carne...

 

Optimo Optimo!

Aconselho!!  (e já agora ponham papel vegetal ou de aluminio no fundo porque a gosrdura da comida acaba por pingar e queimar e não é fácil de limpar)

Autoria e outros dados (tags, etc)

por PrimaDaPopota_XXXL às 10:42

Terça-feira, 30.10.12

10 truques que emagrecem

Informação copiada na integrada daqui: A Nitricionista

 

Existem muitos mitos relacionados com hábitos alimentares. Isto engorda, aquilo não...

Mas o que realmente nos interessa saber é como comer bem, equilibrada e variadamente, sem termos de nos aborrecer com a balança. O fundamental é poder comer-se de tudo, sempre que se nutra o corpo e não se abuse dos alimentos mais calóricos.

Tome nota destas dicas que ajudam a perder peso (ou a manter-se magro) de forma totalmente saudável:

 

1. Tome o pequeno-almoço todos os dias
As pessoas que tomam o pequeno-almoço diariamente conseguem emagrecer mais depressa e controlar melhor o peso do que as que não o fazem, já que o corpo retém calorias porque pensa que vai passar fome mais tarde.

 

2. Fraccione a sua alimentação
Com alimentos saudáveis e pouco energéticos. Vários estudos demonstram que distribuir a alimentação em várias refeições (pequeno-almoço, meio da manhã, almoço, lanche e jantar) faz com que se ingiram menos calorias do que fazendo apenas duas por dia. Diminua as quantidades, não o número de refeições.

 

3. Escolha bem a loiça
Para conseguir reduzir as porções de alimentos, use um prato mais pequeno, ou seja, que encha com menor quantidade.

 

4. Coma e mastigue devagar
Comer com talheres de sobremesa pode ajudá-la. Comer devagar melhora a digestão e favorece a sensação de saciedade.

 

5. Inclua verduras e hortaliças nas refeições principais
Não só por uma questão de saúde mas também pela sua quantidade de fibra, que evita a prisão de ventre.

 

6. Se come fora de casa muitas vezes, opte pelo mais saudável
Se a sua rotina a obriga a comer em restaurantes, escolha uma salada ou uma sopa de legumes para entrada e, para prato principal, arroz, massa ou leguminosas. Para sobremesa, fruta fresca.

 

7. Se leva comida para o trabalho... 
Prepare saladas de massa, de arroz, com leguminosas ou de batata com pequenas quantidades de alimentos ricos em proteínas, como atum, ovo cozido, peito de peru, gambas... Para sobremesa, fruta ou um iogurte magro.

 

8. Evite os molhos 
Falo de todos, sobretudo os brancos como a maionese ou as natas. Coma verduras estufadas em azeite, molho de tomate natural ou de soja (baixo em sódio), ou com uma base de iogurte natural.

 

9. Mexa-se... a sério! 
Se, durante o dia, não consegue fazer desporto, evite andar de elevador e suba e desça escadas. Se, depois de comer, lhe sobram alguns minutos, saia para caminhar.

 

10. Muita água, chás e sumos naturais
Beba sempre dois litros de líquidos, no mínimo, por dia. Em forma de água, sumos naturais, sopas, infusões... Para além de hidratarem, saciam bastante.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

por PrimaDaPopota_XXXL às 10:44

Sexta-feira, 26.10.12

Sementes de chia

 

As sementes de chia são um dos alimentos mais poderosos, funcionais e nutricionais do mundo, porque são uma excelente fonte de fibra, com antioxidantes e minerais, e a fonte vegetal conhecida mais rica em em ácidos gordos ómega 3. Ainda mais rica do que a Quinoa, por exemplo. Estas sementes são originárias da planta do deserto Salvia Hispanica, da família da menta, no sul do México. Há sementes cinzentas, castanhas, pretas e brancas. A variedade de sementes brancas é designada como Salba. Na Era Pré-Columbiana, as sementes de chia eram um componente das dietas aztecas e maias. A chia representava a ração de sobrevivência dos guerreiros aztecas. 2 colheres de sopa destas sementes conseguiam suster um guerreiro que marchava durante 24 horas. Os aztecas pagavam os seus impostos com estas sementes que eram, também, usadas como moeda.

 

Sugestão de utilização: pode espalhar as sementes inteiras ou moídas em cereais, iogurtes, saladas, etc. Pode ainda moê-las e aidioná-las à farinha para fazer pão. Também pode usá-las como bebida fresca, colocando 2 colheres de chá de sementes de chia em 250 ml de água, mexendo e deixando repousar até criar um líquido ligeiramente gelatinoso. Como as sementes conseguem absorver várias vezes o seu peso de água formando uma espécie de gelatina são óptimas como substituto de ovo.

 

Em conclusão:


• A mais rica fonte de Ómega 3 e fibra na natureza

 

• Mais seis vezes cálcio do que o leite inteiro

 

• Mais três vezes ferro do que os espinafres

 

• Mais quinze vezes magnésio do que os bróculos

 

É adquirida em qualquer loja de produtos naturais ou em lojas de produtos para animais (estas sementes também são utilizadas como ração de pássaros, mas podem ser perfeitamente consumidas pelos humanos também).

 

Hoje em dia, estudos científicos provam que a chia proporciona grande número de nutrientes interessantes, de tal modo que esta semente mágica está a ser redescoberta pelos nutricionistas e está a ganhar rapidamente uma enorme popularidade, quer seja na alimentação humana ou na dos animais. Actualmente a chia é cultivada para fins comerciais no México, Argentina, Bolívia, Peru e Colômbia.

 

A chia pertence, exactamente como o psílio e a linhaça, às sementes mucilaginosas. Estas sementes são de facto ricas em mucopolis-sacarídeos e constituem uma excelente fonte de fibras alimentares solúveis e insolúveis. São os mucopolissacarídeos solúveis que formam um gel mucoso incolor à superfície das sementes, quando entram em contacto com a água. Quando se mete um punhado de sementes de chia num copo de água, constata-se que após alguns minutos o copo está cheio com um tipo de gel pectinoso. Estas mucilagens são benéficas para os intestinos. Em primeiro lugar podem fixar até 12 vezes o seu peso em água, o que faz que melhorem a qualidade e a consistência das fezes em caso de diarreia. Além disso estes mucopolissacarídeos constituem também uma camada de mucilagem na parede intestinal de tal modo que as bactérias patogénicas são travadas nos seus efeitos danificadores e que as mucosas do intestino possam recuperar mais depressa.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por PrimaDaPopota_XXXL às 11:05

Sexta-feira, 26.10.12

Quinoa: O cereal mais rico em proteínas

Informação daqui:

 

As propriedades nutricionais e as formas de confeção do cereal mais rico em proteínas

Tem um sabor suave a noz e uma textura fofa, leve e macia, semelhante à do cuscuz. A cor varia do amarelo pálido ao preto, vermelho e castanho. 

Falamos da quinoa, conhecida como arroz dos incas, um cognome que se refere à sua origem sul-americana e cinco mil anos de existência.

Disponível sob a forma de grão, farinha, massa e cereal, esta é uma semente da qual se conhecem mais de oito mil variedades. Segundo a American Dietetic Association, a associação dietética norte-americana, «pode ajudar em casos de doença cardíaca, diabetes e prevenção do cancro».

Super cereal

A quinoa oferece cerca de 18 por cento de proteína, um valor superior ao de outros cereais, algumas variedades chegam a conter mais de 20 por cento, destaca David Grotto em «101 Super Alimentos que Podem Salvar a Sua Vida» (Academia do Livro). Este cereal é uma fonte completa de proteína, reunindo os oito aminoácidos essenciais, sobretudo metionina, cistina e lisina, cuja porção é o dobro da da aveia, o triplo da do milho e cinco vezes superior à do trigo.

É uma boa fonte de fibra, sendo ideal no combate à obesidade. O seu poder de saciedade é superior ao do arroz e do trigo. Pobre em gordura (contém cerca de 10 por  cento), é rica em hidratos de carbono, cerca de 72 por cento, sob a forma de amido. Pode ser ingerida por doentes celíacos pois oferece pouco glúten.

Como preparar

A quinoa pode ser ingerida ao pequeno-almoço, em substituição dos cereais habituais, ou mesmo às refeições principais, integrada em sopas, saladas, acompanhamentos (cozida como o arroz ou na forma de puré) ou sobremesas. Antes de a confecionar, deve lavar bem as sementes para remover qualquer resíduo  de resina natural (saponina) que permaneça. Não se surpreenda se fizer espuma ao enxaguar. Antes de  cozinhar, o ideal é torrar as sementes numa frigideira seca, durante cinco minutos – torná-las-á mais saborosas. Depois, é só confecionar.

 

Pequeno-almoço

Ferva duas chávenas de água, adicione uma chávena de quinoa, reduza o calor e deixe ferver em lume brando durante cinco minutos.

Adicione meia chávena de maçã cortada em tiras finas, um terço de chávena de passa de uva e meia colher de chá de canela e deixe ferver em lume brando até a água ser absorvida.

Finalmente, sirva este preparado com leite e começará o dia de uma forma naturalmente saudável.

Refeições principais

Prepare como se fosse arroz, fervendo duas chávenas de água para uma de grão, tapando e deixando ferver em lume brando durante cerca de 15 minutos. Deve ficar al dente.

Saladas

Misture quinoa cozida, arrefecida, com legumes crus ou cozidos picados e ervas frescas. Tempere com molho de vinagrete ou de soja.

 

==

 

Fonte de vitaminas e minerais

Os benefícios nutricionais deste cereal: 

Ácido fólico 
Indispensável para a formação de glóbulosvermelhos e para o sistema nervoso.

Magnésio
Contribui para a formação de músculos, ossos fortes e dentes saudáveis.

Ferro
Participa na formação de glóbulos vermelhos.

Fósforo
Envolvido na formação de músculos e ossos fortes.

Zinco
Necessário para a reparação dos tecidos, sistema reprodutivo e imunitário.

Cobre

Participa na produção de energia e na síntese da hormona adrenalina.

Manganésio
Determinante para a estrutura óssea normal.

Potássio
Importante para manter a pressão arterial equilibrada.

Vitaminas do complexo B
Aliadas do sistema nervoso, digestivo, cardiovascular e da pele.

 

(100 gramas = 380 calorias)

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por PrimaDaPopota_XXXL às 09:47

Sexta-feira, 07.09.12

Sementes de Linhaça

É considerada como um alimento funcional, ou seja, que contém, além de seus nutrientes básicos (carboidratos, proteínas, gorduras e fibras), elementos que podem diminuir o risco de algumas doenças pois o seu uso contínuo pode proporcionar aumento da defesa orgânica e redução do ritmo de envelhecimento celular. 

Na composição da semente de linhaça estão presentes proteínas, fibras alimentares e ácidos gordos poliinsaturados (Omega 3 e Omega 6), que lhe conferem a propriedade de alimento funcional. A semente de linhaça é a mais rica fonte de Omega 3 existente na natureza. 
Muitos estudos estão a ser desenvolvidos para confirmar os benefícios do consumo regular da semente de linhaça. Alguns desses estudos afirmam que a linhaça pode ajudar a baixar os níveis de colesterol, pois é rica em fibras solúveis. Também estão a ser estudadas outras funções que têm benefícios como:

- Rejuvenescedor;
- Diminuição de peso;
- Auxílio no combate à anemia;
- Auxílio no combate ao cancro: de mama, de próstata, de colon, de pulmão, etc;
- Auxílio no combate ao acne;
- Auxílio no equilíbrio hormonal, amenizando distúrbios causados pela TPM e menopausa;
- Auxílio na diminuição do risco de aterosclerose;
- Auxílio no controle da diabete - da glicemia; 
- O consumo regular de linhaça favorece o controle dos níveis de açúcar no sangue;
- Vitalidade Física;
- Sistema Digestivo;
- Sistema Nervoso;
- Doenças Inflamatórias;
- Retenção de Líquidos;
- Sistema Imunológico;
- Sistema Cardiovascular;
- Funcionamento Intestinal;
- Para o auxílio na redução de colesterol;
- Para combater a agressividade e a obesidade;
- Condições da Pele e do Cabelo.

Composição nutricional de 15 g da Semente de Linhaça: 

Valor calórico 43 Kcal
Carboidratos 1 g
Proteínas 2 g
Gorduras totais 3 g
Gorduras Saturadas 0 g
Gorduras Trans 0 g
Fibra alimentar 3 g
Omega-3 58%
Omega-6 16 %
Sódio 7,8 mg
Além disso, é a maior fonte alimentar de lignanas, compostos fitoquímicos parecidos com o estrogénio, que teriam propriedades anticancerígenas, principalmente em relação ao cancro de mama e cólon. Ainda contém vitaminas B1, B2, C, E e Caroteno e minerais como ferro, zinco, alguma quantidade de potássio, magnésio, fósforo e cálcio. 
A semente de linhaça moída trás mais benefícios nutricionais que a semente inteira, que possui uma casca dura, difícil de digerir. Portanto, uma forma fácil de quebrar as sementes é passá-la em um processador ou liquidificador, para que não vire pó. Depois, guarde-a no frigorífico e deixe fora da luz. Desta forma, a utilização será ainda melhor. 
As sementes podem ser utilizadas em iogurtes, saladas, sumos, vitaminas, misturada com cereais, massas de pães e bolos e em todos os outros alimentos. Também pode substituir o óleo ou gordura utilizada numa receita. Por exemplo, se uma receita pedir 1/3 chávena (chá) de óleo, substitua por 1 colher (sopa) de semente de linhaça moída.
 
Vitalidade Física:
Um dos mais notáveis indicativos de melhora devido ao consumo de linhaça é o aumento progressivo de vitalidade e energia. A linhaça aumenta o coeficiente metabólico e a eficácia na produção de energia celular. Os músculos se recuperam da fadiga do exercício.
 
Baixa de Peso:
A linhaça moída é excelente para baixa de peso, pois elimina o colesterol de forma rápida.
Ajuda a controlar a obesidade e a sensação desnecessária de apetite, por conter grandes quantidades de fibra dietética, tem cinco vezes mais fibra que a aveia. Se deseja diminuir o peso, tome uma colher durante a tarde.
 
Combate ao Cancro:
de mama, de próstata, de colon, de pulmão, etc. A semente de linhaça contém 27 componentes anti-cancerígenos, sendo um deles a LIGNINA. A semente de linhaça contém 100 vezes mais Lignina que os melhores grãos integrais. Nenhum outro vegetal conhecido até agora iguala essas propriedades. Protege e evita a formação de tumores. Só no cancro se recomenda combinar semente de linhaça moída com queijo cottage baixo em calorias.
 
Condições da Pele e do Cabelo:
Com o consumo regular de sementes de linhaça você irá notar como a sua pele se torna mais suave. É útil para a pele seca e sensível aos raios do sol. É ideal para problemas na pele tais como psoríase e eczema.
Recomenda-se também como máscara facial para uma limpeza profunda do cútis. Ajuda na eliminação do pano branco, manchas, acne, espinhas, etc., 
é excelente para a calvíce e nutre também o cabelo.

Sistema Digestivo:
Previne ou cura o cancro de colon. Ideal para artrite, prisão de ventre, acidez estomacal. Lubrifica e regenera a flora intestinal. Expulsão de gases gástricos, é um laxante por excelência. Previne os divertículos nas paredes do intestino. Elimina toxinas e contaminadores.
 
Sistema Nervoso:
É um tratamento para a pressão. As pessoas que consomem linhaça sentem uma grande diminuição da tensão nervosa e uma sensação de calma. 
Ideal para pessoas que trabalham sob pressão. Melhora as funções mentais dos mais velhos, melhora os problemas de conduta(esquizofrenia).
A linhaça é uma dose de energia para o cérebro, porque contém os nutrientes que reduzem os neurotransmissores (reanimaçõesnaturais).
 
Doenças Inflamatórias:
O consumo de linhaça diminui as condições inflamatórias de todo tipo. Refere-se a todas aquelas doenças terminadas em "TITE", tais como: gastrite, hepatite, artrite, colite, amidalite, meningite , etc.
 
Retenção de Líquidos:
O consumo regular de linhaça, ajuda os rins a excretar água e sódio. A retenção de água (Edema) acompanha sempre a inflamação de tornozelos, alguma forma de obesidade, síndrome pré-menstrual, todas as etapas do cancro e as doenças cardiovasculares.
 
Sistema Imunológico:
A linhaça alivia alergias e é eficaz contra o LUPUS. A semente de linhaça por conter os óleos essenciais Omega 3, 6, 9 e um grande conteúdo de nutrientes que precisamos constantemente, faz com que nosso organismo fique menos doente, por oferecer uma grande resistência às doenças.

Sistema Cardiovascular:
É ideal para tratar a arteriosclerose, elimina o colesterol, esclerose múltipla, trombose coronária tensão arterial alta, arritmia cardíaca, incrementa as plaquetas na prevenção da formação de coágulos sanguíneos. O uso regular de linhaça diminui o risco de padecer de doenças cardiovasculares.
 
  
Uma das características únicas da linhaça é que contém uma substância chamada taglandina, que regula a pressão do sangue e a função arterial e exerce um importante papel no metabolismo de cálcio e energia.
O Dr. J H. Vane, ganhou o prêmio Nobel de medicina em 1962 por descobrir o metabolismo dos óleos essenciais Omega 3 e 6 na prevenção de problemas cardíacos.
Uma outra forma de conseguir os benefícios da linhaça é consumir o óleo de linhaça, que é extraído da semente inteira, usando métodos de extração desenvolvidos especialmente para este fim (a frio). O produto obtido é engarrafado (para ser usado em saladas ou pratos frios) ou colocado em cápsulas gelatinosas, sendo utilizado como suplementação de Omega-3.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por PrimaDaPopota_XXXL às 08:34



Bichos

Loja para mascotes


Posts mais comentados


Pesquisar

Pesquisar no Blog  


Comentários recentes

  • Lolita

    Usar frutos secos ( passas, figos, ameixas sem car...

  • poca

    oláááááááá!Tenho andado muito afastada do blog, eu...

  • PrimaDaPopota_XXXL

    Obrigada :)Volta sempre.Não sendo o blog mais inte...

  • CC

    Olá! Acabei de descobrir o teu blog!É tão dificil ...

  • PrimaDaPopota_XXXL

    Se poder ser de sol por fora e por dentro agradeço...




quantos?

blogger analyzer
Easy Recipes

Quantos passam?